Homem é sentenciado a nove meses de prisão por exercer sua crença

Um homem foi detido por quase seis meses antes de ser julgado, por exercer sua crença no Falun Gong. Ele se declarou não culpado no tribunal, pois explicou que exercia seus direitos constitucionais quanto à liberdade de crença. Seu advogado argumentou que as acusações eram infundadas e a evidência era falha. Duas semanas após o julgamento, ele foi considerado culpado de "usar uma organização para minar o cumprimento da lei" e condenado a nove meses de prisão.

Artigos de hoje16 de Dezembro de 2017

Artigos do dia anterior   |   Ver arquivo

Alemanha: residentes de Hamburgo ficam gratos por saber sobre o Falun Dafa

Os praticantes em Hamburgo, a segunda maior cidade da Alemanha, realizaram o evento “dia da informação”, no centro da cidade, em 4 de novembro.

Métodos brutais de perseguição usados pelo Centro de Detenção de Shenyang

O Centro de Detenção de Shenyang, na província de Liaoning, também conhecido como o primeiro Centro de Detenção de Shenyang, é um lugar que detém e persegue praticantes do Falun Gong antes de serem enviadas para campos de trabalho ou serem julgadas.

Eventos do Falun Gong na Alemanha e na França

Eventos visaram à conscientização pública sobre a perseguição na China, especialmente a sobre a extração forçada de órgãos sancionada pelo governo chinês.

Notícias recentes

© Copyright Minghui.org 1999-2017